Blog da Galera: Especialista dá dicas sobre tranças box braids

Oii! Tudo bom? Cá estou eu de novo, Aniké Pellegrini, mas dessa vez para falar sobre as tranças afros conhecidas como box braids. É um penteado que agrada muitas garotas, como a blogueira Magá Moura e a cantora Iza – duas baita referências!

À esquerda, eu brilhando com minhas tranças afro na praia. À direita, eu tietando a diva Magá Moura (@magavilhas). (Reprodução/Reprodução)

Há muitas variações de tranças, podendo ser curtas, compridas, de uma só cor, em degradê, com ou sem material acrescentado. Geralmente, elas são feitas com o cabelo natural misturado com material sintético (kanekalon jumbo), para prolongar a duração do penteado e aumentar o comprimento do cabelo.

Este penteado carrega não só uma estética maravilhosa, mas também muita praticidade. Foi isso que me conquistou e nos tornou bffs, já que estou sempre “pronta” quando estou com ele. Pode não ser muito fácil encontrar trancistas, mas a procura vale muito à pena. No ano passado, uma amiga inseparável cruzou meu caminho e confio meus cachos à ela: a trancista, atleta e modelo Stella Chidozie (@_stechidozie). Fiz uma entrevista com ela para tirar algumas dúvidas frequentes sobre o penteado. Olha só!

📸: @01goga

A post shared by Stella Chidozie (@_stechidozie) on

1. ANIKÉ: Quando você começou a trançar?
STELLA: Aprendi a fazer tranças bem cedo. Lembro que tinha uns 6 anos e já tentava trançar o cabelo da minha boneca o mais rápido possível. Com o passar do tempo, vi que realmente levava jeito para isso, além de amar!

2. ANIKÉ: Quais são os materiais usados na trança?
STELLA: Os principais materiais utilizados são: kanekalon, jumbo, fio de seda, lã e a linha (de crochet). O que eu mais recomendo e sempre uso é o jumbo (importado), por ser mais leve e ter um aspecto mais natural, embora seja um pouquinho mais caro em comparação aos outros.

3. ANIKÉ: E para soltar, existe alguma técnica específica?
STELLA: Não tem segredo para soltar as tranças, geralmente basta cortar uma parte do comprimento sem cortar o cabelo e, em seguida, é só ir destrançando com as mãos.

4. ANIKÉ: Por experiência própria, eu sei que quando soltamos a trança, muitos fios de cabelo caem. É normal?
STELLA: Sim, isso acontece porque, além de proteger os fios, as tranças ajudam no crescimento do cabelo. Nós perdemos cerca de 100 fios de cabelo por dia e com as tranças não é diferente. Mas, como elas prendem os fios, os que caem ficam juntinhos.

5. ANIKÉ: Qual a sua recomendação para encontrar e escolher um(a) trancista?
STELLA: Geralmente, minhas clientes me encontram através de indicações ou pelo meu perfil no Instagram. Recomendo pedir fotos dos trabalhos da trancista, só para garantir que ela faz do jeitinho que você quer. É válido também perguntar para as moças com tranças maravilhosas na rua. É só pedir com jeitinho e educação!

Para ajudar, separei uma pasta de inspirações no Pinterest, com fotos desde a diva Isa até a musa Yara Shahidi. Vale também assistir os clipes da Iza, com uma aula de como lacrar de tranças.

 

Beijos,
@keke_bp

 

Leave a Reply

Your email address will not be published. Required fields are marked *